Daniel Costa comemora adaptação rápida no Azulão

Admirador de Riquelme e Zidane, Armador se destaca pela visão de jogo e ressalta a importância da movimentação dos companheiros
 

 
(São Caetano do Sul, 11 de julho de 2015) – O meio-campista Daniel Costa é uma das novidades do São Caetano na Série D do Campeonato Brasileiro. O camisa 10 estreou no Azulão na goleada contra o Lajeadense (5x0), na primeira rodada do torneio e não deixou mais a equipe. Para o jogador, o segredo das boas atuações é o entrosamento do time.

- Sou um atleta de toque de bola e gosto de cadenciar o jogo. Para o meu rendimento melhorar, é necessário bastante movimentação dos meus companheiros e este comportamento do grupo, facilitou a minha adaptação – analisou. 

Segundo o meia, outro fator decisivo para momento positivo da equipe é o bom ambiente fora de campo.

- Eu fui muito bem recebido. Neste elenco não existe espaço para vaidade e o treinador (Luiz Carlos Martins) sabe como tirar o máximo de cada um. Acredito que estamos no caminho certo e vamos brigar pelo acesso – declarou.

Admirador de Zidane e Riquelme, dois meias clássicos, Daniel Costa concorda que a velocidade do futebol atual inibe o surgimento de atletas com estas características.

- Estes jogadores não tinham muita velocidade, mas compensavam isso com a inteligência. Eram capazes de deixar o companheiro na cara do gol com apenas um toque. Hoje, o futebol está muito competitivo, exigindo mais força física e velocidade, são poucos os treinadores que optam em aproveitar este tipo de jogador.

Aos 25 anos, o meia foi um dos destaques do Juventus na Série A-3 do último Campeonato Paulista. No confronto diante do Osasco, partida que garantiu o acesso do Moleque Travesso, ele marcou três gols.

Assessoria de Imprensa
assessoria@adsaocaetano.com.br

Please reload

© 2018 A.D. São Caetano

ACOMPANHE:

  • YouTube - White Circle
  • Twitter - White Circle
  • Facebook Clean
  • Instagram - White Circle