Parabéns Azulão!

4/12/2014


Nesta quinta-feira, a AD São Caetano completa 25 anos de fundação
 

O dia 4 de dezembro de 1989 tornou-se inesquecível para o torcedor do azulão. Há exatos 25 anos, um grupo de apaixonados pelo futebol fundou a Associação Desportiva São Caetano. O clube é sem duvida uma das equipes de menor rejeição em todo o país e tem uma história de ascensão meteórica, repleta de momentos marcantes.
 

Para o presidente Nairo Ferreira de Souza, que está no clube desde a fundação, a campanha na Copa João Havelange e a disputa da final da Libertadores foram os momentos mais inesquecíveis.


- Éramos um time comum, e dois meses depois, estávamos na final do principal campeonato do país. Todos passaram a torcer pelo Azulão. Nas ruas era uma euforia, nos tornamos referência em toda a cidade. Apesar da derrota, "conturbada", para o Vasco na decisão, não perdemos o foco e o apoio popular foi como um prêmio - relembrou.


- Já a final da Libertadores, a situação foi um pouco diferente. Estávamos mais acostumados a participar de grandes jogos, mas mesmo assim, pesava o fato de estar vivendo uma situação especial, onde grandes clubes brasileiros não haviam chegado. Era difícil acreditar, que se a gente vencesse a Olímpia, enfrentaríamos o "poderoso" Real Madrid, dos Galácticos, no Mundial - declarou.


A grande conquista


Em 2004, o Azulão alcançou o auge. O time comandado pelo técnico Muricy Ramalho conquistou a taça do Campeonato Paulista. A equipe eliminou São Paulo e Santos, nas fases de mata-mata, e garantiu o título diante do Paulista de Jundiaí, após duas vitórias incontestáveis (3x1 e 2x0).


Momento trágico


Mas não apenas de grandes glorias vive o clube. A morte do zagueiro Serginho, no mesmo ano do título paulista, causa muita dor, até hoje.


- Tenho uma ferida aberta. Perder um amigo de forma tão inesperada, como foi naquela noite no Morumbi, deixou uma cicatriz bastante dolorida. Uma tragédia que só Deus pode confortar - afirmou.


Sobre o momento atual do clube, o presidente demonstrou otimismo e espera uma temporada de recuperação.


- Aprendemos com os nossos erros e o planejamento desta vez não será de apostas. Contratamos um técnico competente e com um currículo de respeito, sobretudo, no futebol paulista. O Martins é um cara vencedor e que tem carinho especial pela AD - Concluiu.


Em sua primeira passagem pelo São Caetano, em 1999, o técnico Luiz Carlos Martins colheu resultados positivos. Foram 46 jogos, com 26 vitórias, 13 empates e apenas sete derrotas. A equipe marcou 74 gols e sofreu 46.


Parabéns AD São Caetano! Que a sua camisa volte a trilhar o caminho das vitórias e 2015 seja um ano repleto de conquistas.


-- 

 

Assessoria de imprensa
Texto: Marcelo Santoro
Telefone: 7852-4043 / 30*10110

Please reload

© 2018 A.D. São Caetano

ACOMPANHE:

  • YouTube - White Circle
  • Twitter - White Circle
  • Facebook Clean
  • Instagram - White Circle